11 de abr de 2011

Antes tarde do que nunca!

Tá! Eu sei que eu já estou atrasada, mas infelizmente eu não pude entrar na net no dia certo da blogagem coletiva (estávamos de mudança) mas eu senti a necessidade de fazer esse post. Como mãe de primeira viagem, pintei muita coisa durante a gravidez que caiu por terra quando a princesa nasceu. Então vamos lá né... (já que eu insisto! rs).
Pra começar ser mãe não era uma prioridade naquele momento, mas acabou acontecendo e amando a ideia. Eu era muito nova (como se fosse há anos atrás, mas é porque eu me sinto bem mais madura agora!) e por isso recebi algumas críticas da minha familia,amigos e fofoqueiros de plantão! Tive muita sorte de ter acontecido com uma pessoa que me amava muito e me deu apoio, amor, carinho e atenção quando mais precisei (Léo te amo!).
O susto passou e as coisas foram se encaixando no seu devido lugar e eu no ato de desespero comecei a  ler (devorar) tudo que estava relacionado com os cuidados com bebês, comidinhas, rotinas e esse mundo novo, incluindo os livros, blogs , revistas, entrevistas e por aí foi, sabe no que deu meu povo? 
Quando a pequena nasceu eu peguei tanta informação, que acabei embaralhando tudo, não sabia: como , por onde, em qual momento eu devia aplicar aquilo que havia estudado durante 9 meses ( disse estudado? Quis dizer devorado!!). E quando cheguei em casa e estava frente a frente com aquela nova vida, eu decidi deixar rolar e ver no que ia dar!
As vezes eu entro numa paranóia me cobro horrores, mas  aí eu respiro fundo e tento cair na real,eu sei que me esforço e por isso eu acredito sim que Eu sou a melhor mãe que posso ser
Posso revelar um segredo? Eu fiz (e faço) muitas coisas do qual as pessoas super recriminam e a minha consciência com isso? Pesa só as vezes!


- Eu não tive um parto normal  e não me arrependo,até porque minha filha estava lá sentadona até o último minuto e ainda nasceu de bunda!
-Eu me prometi que não ia viver com ela no colo, mas adivinha qual o apelido dela? Lara colinho (porque será?).
- Voltei pra faculdade quando ela tinha menos de 2 meses e fui mega criticada , todos falando que ela ia sofrer, que se pegasse a mamadeira não pegaria mas peito, que eu não ia conseguir tirar o leite suficiente pra armazer! (primeiro ela é uma pituqueira de plantão, mama horrores no peito, segundo que ela pegou a mamadeira e terceiro que eu comprei uma bomba elétrica e tiro mais que o suficiente pra ela mamar. Nada como o tempo né?)
- Ela até dorme no berço, mas em alguns dias quando ela acorda de madrugada pra mamar, eu a coloco pra mamar na cama deitadinha comigo e dormimos por lá mesmo e abraçadinhas ainda por cima! 
- Não esterilizo a "peta" quando cai no chão, apenas passo uma água.
- Adorei saber que ela gosta de ver tv quando está no bebê conforto, assim consigo tomar banho (de 5 minutos é claro!) e algumas vezes ela adormece sozinha vendo a nossa querida galinha pintadinha o/
-Já dei banho de chuveiro nela, eu sei que ela só tem 3 meses, mas eu dei!
- Tou seca de doer porque vivo com ela no colo e não dar tempo de cozinhar direito, então algumas vezes vai um almoço de pão com queijo e iogurte mesmo!
- Lavo a roupa dela na máquina "OHHH", coloco no modo suave e vai que é uma beleza!


Tá que não é só isso,mas chega porque o tema é a "melhor mãe que eu posso ser!" não a mais irresponsável do ano!
Mas gente, apesar de alguns deslizes, eu me desdobro pra ser dona de casa, esposa, estudante de direito (que as vezes parece ser mais dificil de que cuidar da Lara)  e principalmente pra encarar o maior desafio de todos os tempos, que é ser mãe! 
Procuro colocar o meu foco não em saber quantos porcentos de coisas certas ou erradas eu faço ao dia, porque o importante é saber que eu faço tudo que está ao meu alcance pra fazer a minha gatinha feliz! 


É isso, desabafei mesmo!
beijos ;*


Ps: Estou me sentindo a sensação do verão aqui em Manaus (assunto para o próximo post), meu sling chegou e só dar a gente por aqui! "Olha a moça levando a criança na sacola!"










5 comentários:

  1. Rafa. adorei o post! Me vi nele! A gente tem de fazer o que sente,sem se culpar pelo que os outros dizem!

    Sabia que o Gu não curte muito o sling... To insistindo aos pouquinhos e agora ele ta gostando... já dormiu nele um dia..rs.. Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Concordo com a Lu. Tem que fazer o que tem vontade mesmo. Certo ou errado as pessoas sempre vão falar !! Aff !! --'
    Acompanho sempre teu blog e sinceramente, apesar de ser nova ( como eu ), és uma mãe e tanto !

    Parabéns ..

    Qto ao Sling,quero comprar, mas meu medo é não usar corretamente . kkkk

    Beeeeijos

    ResponderExcluir
  3. Oii florzinha... tava passeando pelos blogs e encontrei seu bloguinho... to te seguindo viu...



    beijinhus
    http://abracodeurso.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá, sou Andrea mamãe da Alice de quase 8 meses, nem sei como cheguei por aqui, mas adorei seu depoimento, temos muitas coisas em comum, tb só passo pagua na chupeta, lavo as roupas na lavadora, a Alice brinca no chão do parquinho desde 5 meses, passa as mãozinhas na brita, adora, e quer saber, ela está cada dia mais forte ;)
    bjs para vc e para a lindinha da Lara

    ResponderExcluir
  5. a gente tem essa mania qdo esta gravida de falar q vai fazer um monte de coisas q na hora do vamos ver ja era.
    Eu achava q ia ter um treco qdo ela engatinhasse no chao ou entao qdo pussesse a boca em sola de sapato, mas nada tirei d letra e ela sempre viveu livre.
    Tb ninei muito minha Nina, mas hoje c 1 ano e meio quase 11 kilos ja dorme sozinha no berço c a gente ao lado cantando.
    Sempre lavei as roupas na maquina separada da nossa mas na maquina, a mao so vestidos.
    A gente faz mais ate do que pode e o cansaço impera. Mas é bom de ver q tudo vale a pena qdo abrem o sorrisao. No meu caso ja vem andando, me abraça e fala mãmã!!!
    Amoo!!! Bjks querida

    ResponderExcluir